Lisboa +351 21 153 53 00 geral@neurovida.pt
Inicio / Serviços e Programas / Serviços / Estudos Neurofisiológicos

Estudos Neurofisiológicos

A neurofisiologia desempenha um papel importante na monitorização de pessoas com distúrbios que afetam o cérebro, com dano estrutural ou funcional.

Na NeuroVida utilizamos diferentes métodos para avaliar o estado do córtex cerebral e as potencialidades de recuperação individuais após lesão, para monitorizar os efeitos de determinado tratamento ou para facilitar a reorganização funcional do cérebro.

 

Destacamos os seguintes métodos:

  • EEG (eletroencefalografia) com análise quantitativa (mapeamento cerebral): uma gravação da atividade elétrica do cérebro, que é usada principalmente no diagnóstico e avaliação da atividade do córtex.
  • Potenciais relativos a eventos: a medição da atividade elétrica no córtex pode proporcionar informação sobre as funções cognitivas, permitindo analisar o processo de funcionamento das diferentes redes da atenção (orientação, vigilância e controlo executivo do processo de atenção), da perceção, ou da linguagem.
  • Potenciais evocados sensoriais: Os potenciais evocados permitem medir a condução dos estímulos visuais, sonoros ou táteis, e são utilizados na avaliação da integridade das vias nervosas tendo como finalidade diagnósticos ou prognósticos.
  • Potenciais motores evocados por estimulação magnética transcraniana: O estímulo magnético no crânio e a captação da resposta nos músculos dos membros são a base deste estudo, que permite estudar a condução nas vias motoras, a plasticidade no córtex cerebral e o limiar individual de ativação do córtex cerebral.

Contacte-nos

Marcações e Informações

Subscreva a nossa newsletter

Remover subscrição